O que é CLB no Express Entry? Quais provas de inglês eu preciso/posso fazer? Quantos pontos eu consigo ganhar com o inglês? Hoje vamos ajudar vocês a esclarecer essas questões referentes ao inglês no Express Entry.

 Programas de Imigração do Express Entry

O Express Entry é o programa de imigração para as classes econômicas. O que isso significa? Que esse é o programa para praticamente todo mundo, menos os refugiados. Dentro da Classe Econômica temos 3 programas:

Cada um desses nomes te levará pro site do Governo Canadense que explica em detalhes o que caracteriza cada grupo. Mas já adianto, se você está no Brasil, você provavelmente tentará se qualificar para o Federal Skilled Worker (FSW) program.

Você terá que verificar se a sua profissão enquadra em alguma das National Occupational Classification listados. Talvez se a sua profissão for mais técnica você se enquadraria no Federal Skilled Trades program.

Se você foi para o Canadá por college ou com um work permit antes de aplicar pro EE, você pode se enquadrar no Canadian Experience Class. Acho que deu pra resumir bem não?

Pois é, de qualquer forma em qualquer programa desses, você vai precisar comprovar seu nível de inglês! Como isso é feito? Através de prova de proficiência!!! 



Prova de proficiência?! O que é isso?

Primeiro, tratemos de proficiência. Proficiência é sinônimo de habilidade, competência em algo. No mundo existem algumas instituições que fazem provas que comprovam a sua proficiência/habilidade em línguas.

Cada língua tem a sua instituição, às vezes até mais de uma. No inglês, as instituições mais famosas são Cambridge English Language Assessement e o Educational Testing Service ETS.

Por que essas são as instituições mais famosas da área de inglês? Por que elas fazem, respectivamente, o IELTS e o TOEFL, as provas de proficiência de inglês mais conhecidas do mundo.

Para o Express Entry você que está no Brasil tem somente UMA opção: IELTS General Training. A gente já explicou bem sobre o IELTS aqui nesse post. Se você ainda não leu e não sabe muito sobre a prova, vai lá no post e leia, que eu te espero aqui!

Se você está no Canadá você tem duas opções: IELTS General Training e CELPIP. Eu NÃO aconselharia o CELPIP. Apesar da prova ser um pouco mais simples que o IELTS, já soube de experiências negativas de conhecidos e alunos com essa prova.

Eu confio no IELTS e recomendo ele pois é uma prova bem estabelecida já. Você quando se prepara, realmente pode confiar que isso vai cair no IELTS. Já no CELPIP não podemos dizer o mesmo. E os materiais de estudos do CELPIP são escassos.

Precisa se preparar para o IELTS? Veja mais sobre os nossos cursos online e aulas particulares. 

Em qualquer uma dessas provas, você receberá uma nota que define o seu nível de inglês. Ou seja, o nível da sua habilidade com a língua inglesa. Cada prova tem a sua forma de pontuar mas no Express Entry o que conta é a pontuação no CLB – Canadian Language Benchmarks.

E existe uma tabela que faz a equivalência da nota na prova do IELTS com o seu CLB para o processo do Express Entry.

Canadian Language Benchmarks (CLB) e a nota no IELTS

A tabela de CLB-IELTS marca a nota mínima necessária no IELTS para se atingir o CLB referido. Como cada área é contada individualmente, o sonho de todos é CLB 10 em cada uma das áreas. Porém, um CLB 9 costuma dar pontos suficientes para quem tem um bom perfil nas outras áreas (educação/experiência de trabalho).

Com essa tabela também é possível definir qual a nota mínima que você precisa para se aplicar a um dos programas de imigração canadense. Como citamos acima, a imigração canadense tem 3 programas. Cada um desses programas tem um requerimento mínimo.

Abaixo listamos o CLB necessário para cada um dos programas:

  • Federal Skilled Worker Program – CLB 7 para a primeira língua e CLB 5 para a segunda língua.
  • Federal Skilled Trades Program – CLB 5 no speaking and listening e CLB 4 no reading e writing.
  • Canadian Experience Class – CLB 7 se você é NOC 0 ou A, CLB 5 se você é NOC B.

Esses dados são de 2017, certo? Você pode checar se esses dados sofreram alterações aqui nesse site.

Como equivaler o CLB

No IELTS as pontuações vão de 0.0 – 9.0. Uma nota acima de 7.5 no IELTS costuma acontecer para quem já tem nível de inglês intermediário-quase-avançado.

Consultando a tabela que colocamos aí em cima, nós fazemos a equivalência da nota do IELTS para o CLB. Para simular um resultado, vamos usar o resultado do Han no IELTS:

  • Reading – 7.5 – equivale a um CLB 9 (como não atingiu 8.0, cai na pontuação anterior ok?)
  • Writing – 7.5 – equivale a um CLB 10
  • Listening – 8.0 – equivale a um CLB 9
  • Speaking – 8.5 – equivale a um CLB 10

Resumindo, o Han teve duas áreas com CLB 9 e duas áreas com CLB 10.

Como calcular os pontos de CRS para o seu perfil

Agora vamos ver como isso se transforma em pontos no seu perfil. Para isso vamos consultar o Comprehensive Ranking System (CRS). O CRS é o sistema que diz quantos pontos cada “coisa” vale no Express Entry.

Você pode verificar os pontos e as áreas que valem pontos nesse link aqui. Idade, educação, experiência de trabalho e, lógico, o CLB tem suas tabelas específicas. Vamos à do CLB:

quantos pontos cada clb dá no express entry - clb 7 - 16 pontos em cada área - clb 10 - 32 pontos em cada área

Como podemos ver na tabela, cada habilidade (speaking, listening, reading & writing) pode lhe dar até 32 pontos se você é casado ou tem união estável. Se você for solteiro pode somar até 34 pontos em cada habilidade. Para casais o máximo que você pode atingir com a primeira língua é 128 pontos. E para solteiros, 136 pontos.

Por isso que um bom resultado no IELTS pode te ajudar muito. A área que mais dá pontos no Express Entry são as línguas oficiais – inglês e francês. Se você fizer prova de proficiência das duas línguas e tirar notas máximas pode conseguir até 150 pontos só nessa área! #ficaadica

Então, voltando a nossa simulação do caso do Han. Como ele teve duas áreas de CLB 9 ele ganharia (se fosse o aplicante principal) 29 pontos em cada uma delas. Essas duas já dariam 58 pontos. Somado a elas, teríamos duas áreas com CLB 10, que ele ganharia (se fosse o aplicante principal) 32 pontos em cada uma delas. Esses dois CLBs 10 somados seriam 64 pontos.

No total, o Han como aplicante principal teria 64 + 58 pontos = 122 pontos. No nosso caso como eu fui a aplicante principal, e tive três CLBs 10 e um CLB 9, eu totalizei 125 pontos.

Calculando os pontos do parceiro

O Han como esposo segue outra tabela para a pontuação dele. A tabela para parceiros é essa aqui embaixo:

pontos por clb para esposo esposa parceiro união estável clb 7 ou 8 são 3 pontos por habilidade

No caso do Han como ele teve CLB 9 e 10, ele conseguiu o máximo de pontos para o parceiro, que são 20 pontos. No total, nesse área nós conseguimos 145 pontos. \o/

Só não foi o máximo de pontos pois meu writing foi maltratado pelos corretores do IELTS. Pensamos até em pedir o remark mas não valia a pena o tempo de espera – são 2 meses para fazer o remark! A nossa pontuação total já era muito boa (480 pontos), era melhor aplicar logo.

Calculou a sua pontuação?

Agora com todas as informações e explicações deve ficar mais fácil de você calcular a sua provável pontuação nessa área. Se você já fez o IELTS, conta aí para gente nos comentários!

Muita gente acaba refazendo a prova por não dar a devida importância ao peso que ela tem na sua pontuação do Express Entry. Você agora já sabe o quão importante o IELTS é! Estude, se dedique e não faça a prova de qualquer jeito. Afinal só a prova custa hoje 800 reais no Brasil né?!

E se quiser um apoio profissional, entre em contato com a gente.

Eu já preparo alunos para o IELTS a mais de 6 anos. Fora que nossos resultados não mentem né? A gente foi super bem na prova! 😉