Encontrar trabalho

Se você está planejando chegar ou já está no Canadá, provavelmente encontrar trabalho é uma das suas prioridades. Afinal, além da experiência de trabalho canadense ser um dos caminhos para a imigração, um emprego também é a forma mais comum de nós mortais mantermos os boletos em dia.

Carreira: saiba como é o mercado pra você no Canadá

Por isso, hoje vamos falar sobre as principais características do mercado de trabalho canadense. Vamos também passar todas as dicas para você entrar na rota para conquistar sua vaga dos sonhos.

Trabalho no Brasil x no Canadá: as principais diferenças

Seja na legislação, seja nos costumes, muita coisa muda quando o assunto é trabalho no Canadá. Por isso, vamos fazer um resuminho passando pelos principais pontos. Ah, e também falamos um pouquinho mais sobre esse tema aqui.

De quanto em quanto tempo o salário cai na conta?

Enquanto no Brasil a gente está acostumado a receber uma vez por mês, aqui esse pagamento costuma ser feito a cada duas semanas. Além disso, não existe décimo-terceiro salário, mas dá no mesmo no fim das contas.

Isso acontece porque o ano tem em média 52 semanas, ou 26 quinzenas. Ou seja, você acaba recevendo o equivalente a 13 meses de qualquer forma.


Trabalho por hora x salário anual

Make it rain
Aquela sensação de quando o pagamento sai

Outro fator importante a considerar é que muitos empregados recebem por hora trabalhada, sem salário fixo. Isso acontece principalmente nos chamados entry-level jobs, como atendimento ao público. Sendo assim, suas horas de trabalho semanais podem ser fixas ou variáveis. De mesma forma, seu salário pode igualmente variar de um contracheque para o outro.

O valor pago por hora deve ser igual ou maior que o salário mínimo daquela província. Por exemplo, em abril de 2021, o salário mínimo em Ontario era de $14.25 por hora. Por outro lado, existem casos especiais em que o salário mínimo de uma categoria é diferente em relação ao valor geral.

Para trabalhos mais qualificados, por sua vez, o mais comum é haver um salário fixo. Aqui ele é informado em seu valor anual. Sendo assim, se uma vaga anuncia um salário de $50,000.00 por ano, você deve dividir esse valor por 26 para descobrir qual é o salário bruto para cada quinzena.

Impostos

Como eu faço para saber quanto vou receber líquido a cada salário? Você deve saber, antes de mais nada, que esse valor vai depender da província em que você mora.

Se quiser uma continha de padaria, dá para calcular uma média de 25% de desconto. No entanto, você vai ter uma ideia mais exata do seu salário líquido usando uma calculadora como essa aqui. Observe ainda que a carga tributária costuma aumentar de acordo com o salário: quanto mais você ganha, mais imposto paga.

Benefícios

Enquanto no Brasil muitos funcionários recebem benefícios como vale-transporte, vale-alimentação e vale-refeição, isso não é nada comum por aqui. No Canadá, os gastos com transporte, almoço e mercado costumam sair do bolso de cada um. Quando há benefícios, os mais frequentes são plano de saúde ou dental, previdência privada e dias de licença remunerada.

Férias

Big Ang
Saudades de umas férias, né, minha filha?

Um outro ponto é que o período de férias costuma ser bem mais curto do que no Brasil. No Canadá, os empregados costumam começar tendo direito a duas semanas de férias por ano. Esse período, contudo, vai aumentando ao longo do tempo com uma mesma empresa. Além disso, nem sempre as férias são remuneradas.

Direitos trabalhistas

Diferentemente do Brasil, em que existe um código trabalhista (CLT) válido para todo o país, no Canadá a maioria das leis ligadas ao trabalho são provinciais. E, mesmo assim, essas legislações costumam ser bastante abrangentes. Por isso, uma grande parte dos seus direitos vai depender do seu contrato e das regras internas da empresa.

Ah, e não existe carteira de trabalho no Canadá. Como resultado, os únicos registros da sua experiência de trabalho costumam ser o contrato, os contracheques e os comprovantes para imposto de renda.

Trabalho full-time x part-time

Um trabalho é considerado full-time (jornada integral) quando o funcionário trabalha 30 horas ou mais por semana. Os empregos em que o funcionário trabalha menos do que isso, por sua vez, são considerados part-time (meio período).

Existem ainda as vagas do tipo casual, quando as horas de trabalho são irregulares. Um exemplo disso é quando um empregado apenas cobre as folgas semanais de outro ou vai trabalhar só quando um colega falta.

Tipos de contrato

George Seinfeild
Convenhamos que o trabalho que a gente queria mesmo era assim

Existem diferentes tipos de contratos que podem ser oferecidos a um candidato. Uma vaga permanent ou indeterminate é aquela sem data de acabar. Já um trabalho temporary é aquele em que a data de fim do contrato é pré-estabelecida.

Você também pode trabalhar como contract ou freelance, quando o período do contrato é pré-definido e há a opção de você não receber descontos em folha. Nesse caso, você deve separar uma parte do que ganhar para o imposto de renda.

Por sua vez, os apprenticeships são uma combinação de tempo de sala de aula e trabalho. Isso acontece geralmente em áreas técnicas (skilled trades), como construção, mecânica e carpintaria.

Os internships (estágios), por fim, podem ou não ser remunerados, a critério do empregador. É nessa categoria que se encaixam as oportunidades de co-op, oferecidas por muitos colleges.

O currículo é diferente?

Sim, existem particularidades que fazem toda a diferença. Para começar, algumas informações que a gente costuma colocar no currículo no Brasil, como foto, estado civil e idade ou data de nascimento, não entram no resume aqui.

Também não mencione seu tipo de visto e nunca, jamais inclua seu SIN (Social Insurance Number). Confira templates dos formatos canadenses de currículo mais comuns aqui.

Linguagem

The Office
Pam pegou a ideia

Seu currículo deve ser visto como um resumo dos destaques da sua carreira, e não um histórico detalhado. Por isso, o recomendado é que seu resume tenha uma ou duas páginas, no máximo três se você tiver muuuita experiência. Se concentre nas informações relevantes pra vaga e abuse dos tópicos (bullet points).

Uma outra dica legal pra nós, estrangeiros, é incluir uma descrição bem curtinha (de cerca de uma linha) explicando o que fazia cada empresa brasileira onde você trabalhou. Por exemplo, em vez de apenas dizer que trabalhou na empresa XYZ no Brasil, inclua algo do tipo “XYZ is the leading technology company in Brazil and designs, develops, and sells consumer electronics”.

Além disso, em vez de apenas listar suas atividades, use action verbs (tem uma listinha boa aqui) e foque nas suas realizações. Por exemplo, em vez de dizer que na empresa X você era responsável por vendas e controle de estoque, fale como você aumentou as vendas da loja em X%.

Referências de trabalho

Steve Stranger Things
A gente bem queria, mas não pode indicar o amigo com quem você tomava umas catuabas

Muitas vagas vão pedir duas ou três referências profissionais – antigos chefes ou colegas de trabalho – caso você avance no processo seletivo. Por isso, já converse com essas pessoas com antecedência para saber se pode passar o contato delas para futuros telefonemas ou emails de empregadores.

O ideal é que suas referências estejam no Canadá. Porém, se você não tiver nenhuma aqui, pode passar contatos do Brasil mesmo. Só lembre que essas pessoas devem se comunicar bem em inglês.

Você não precisa incluir os dados das suas referências no currículo. Em vez disso, cada vez que um potencial empregador pedir suas referências, passe os contatos e já avise a elas. Por fim, aproveite para enviar às suas referências o anúncio da vaga, para elas poderem focar nos pré-requisitos.

ATS: use o robôzinho a seu favor

De forma geral, a orientação é adaptar seu resume a cada vaga, pois isso demonstra como a sua experiência se ajusta aos pré-requisitos. Uma outra dica é repetir as palavras-chave do anúncio no seu currículo.

Futurama
O ATS depois de rejeitar um monte de resume

Muitos recrutadores também sugerem preparar o arquivo em formato “.doc” (em vez de “.pdf”). Além disso, recomendam evitar recursos de formatação mais sofisticados, como tabelas, caixas de texto, colunas etc.

A razão é que diversas empresas usam uma espécie de robôzinho chamado applicant tracking system (ATS) para escanear os currículos e fazer uma primeira seleção. Ou seja, se a formatação dificulta o trabalho do ATS ou você parece não atender às exigências da vaga, já é eliminado de cara.

Porém, o uso desses sistemas é mais comum em grandes empresas. Sendo assim, isso pode influenciar na escolha do currículo que você vai usar para cada vaga. Ou seja, se você quiser se destacar mandando um currículo com a formatação mais caprichada para uma pequena empresa, essa é a sua chance!

Cover letter

Um outro ponto interessante do Canadá é que grande parte das vagas pede que você envie uma carta de apresentação junto com o seu currículo. Essa carta também deve ser adaptada a cada vaga e basicamente serve para demonstrar, em algumas linhas, seu interesse no trabalho e porque você é o candidato ideal. Aqui você encontra alguns modelos de cover letter para usar.

LinkedIn

Embora no Brasil muita gente não use o LinkedIn, no Canadá essa é uma ferramenta poderosa para a sua carreira. Por isso, atualize seu perfil e inclua uma boa foto (profissional, pelamordasantinha). Também compartilhe conteúdo e interaja com outros usuários frequentemente.

Uma outra prática que vale super a pena é se conectar com profissionais que trabalhem nas áreas ou empresas pelas quais você se interessa. Lembre, no entanto, de sempre abordar desconhecidos com respeito, educação e sem forçar a barra.

Entrevista de trabalho

Job interview
CoisasPraNãoDizerNaEntrevista.gif

Separe um tempinho alguns dias antes da sua entrevista para se preparar. Comece relendo os detalhes da vaga e pense em como você se encaixa nos pré-requisitos. Se tem alguma exigência que você não cumpre, já prepare uma resposta que demonstre sua vontade de aprender.

Faça sua pesquisa

Revire o site da empresa e o Google de cabeça pra baixo em busca de informações úteis. Para isso, conheça a cultura e os valores da companhia, um pouco de sua história, que produtos e serviços eles oferecem, quem são seus clientes e concorrentes. Pesquise ainda como é o perfil dos funcionários e executivos, e o que tem saído na mídia sobre a empresa.

Elevator pitch

Prepare um discurso curtinho (de uns 30 segundos) para falar, de forma natural, sobre você e por que a empresa deve te contratar. Essa é uma ótima forma de responder quando o entrevistador pede para você se apresentar com a clássica frase “tell me about yourself”.

Organize seu material de trabalho

Se você tem um portfolio ou amostras do seu trabalho, pode preparar esse material para apresentar durante a entrevista. Uma outra prática que enche os olhos do entrevistador é quando um candidato mostra como resolveria determinado problema da empresa ou melhoraria um processo. Também separe uma cópia do seu currículo, os contatos das suas referências e qualquer outro arquivo relevante para levar.

Prepare suas respostas

Existem algumas perguntas que são praticamente certas de aparecer na entrevista (confira algumas delas). Por isso, crie um documento com as suas respostas adaptadas à vaga e treine, de modo que elas saiam de maneira espontânea.

Técnica STAR

STAR technique

Essa é uma ótima estratégia para organizar suas respostas, principalmente para perguntas sobre situações pelas quais você já passou no trabalho.

STAR vem de:

  • Situation: apresente o contexto em que a situação aconteceu;
  • Task: explique qual era a sua tarefa, em outras palavras, quais foram o problema e os desafios enfrentados;
  • Action: conte o que você fez para resolver o problema;
  • Results: descreva qual foi o resultado das suas ações.

Saiba mais sobre essa técnica aqui.

Tenha suas perguntas na manga

No fim das entrevistas, é comum os entrevistadores perguntarem se os candidatos têm alguma pergunta #InceptionDePergunta. Como responder que não quer perguntar nada pode indicar falta de preparo ou interesse, sempre tenha duas ou três questões preparadas para esse momento.

Além de esclarecer qualquer dúvida ou curiosidade, essa é a hora de demonstrar o seu entusiasmo e a sua preparação. Por isso, confira algumas sugestões do que perguntar.

What not to do in a job interview
Tem coisa que é melhor evitar

No dia da entrevista de trabalho

Esse é o seu momento de brilhar e pôr em prática toda a sua preparação. Sendo assim, preste atenção em alguns detalhes para mandar bem e manter o foco no seu talento:

  1. Seja pontual e chegue ao local da entrevista com uns 15 minutinhos de antecedência;
  2. Seja cordial, mas nada de usar gírias ou demonstrar muita intimidade com o entrevistador;
  3. Enquanto no Brasil é aceitável dar dois beijinhos, no Canadá isso não pega nada bem. Por isso, cumprimente o entrevistador com um aperto de mão;
  4. Se vista de maneira adequada ao ambiente da empresa;
  5. Evite perfume e qualquer produto com cheiro forte, pois muitas empresas adotam uma política scent-free em respeito a pessoas com sensibilidade a aromas;
  6. No fim, agradeça pela oportunidade e pelo tempo do entrevistador.

Follow-up, follow-up e mais follow-up

Seja para demonstrar interesse ou aplacar a ansiedade, o follow-up é muito bem visto aqui. Por isso, um ou dois dias depois da sua entrevista, envie um email agradecendo pela oportunidade de saber mais sobre a empresa e a vaga.

Já faz uma semana do tempo previsto para resposta de uma etapa e nada? Mande um email perguntando se há alguma atualização sobre o processo e reafirmando seu interesse. Porém, faça esses contatos de maneira gentil e simpática, sem demonstrar desespero nem pressionar o entrevistador.

Onde pesquisar vagas de trabalho?

O sites mais comuns para procurar vagas no Canadá são:

Busque também as staffing agencies (agências de emprego) da sua cidade e organizações de apoio a imigrantes.

E você, gostou das dicas para encontrar trabalho no Canadá? Desejamos todo o sucesso na sua busca por emprego e na sua carreira no True North!


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui